A Prefeitura de São Paulo deu um passo importante para a realização de seu concurso público destinado ao preenchimento de 757 vagas em seu quadro de nível superior. A Secretaria de Gestão oficializou nesta quarta-feira, dia 2, a Fundação Vunesp como organizadora dos concursos para auditor municipal de controle interno e analista de políticas públicas e gestão governamental, e também para as seleções destinadas ao quadro de analistas e especialistas da administração municipal. O órgão também divulgou as taxas de inscrições, que variam de R$54,95 a R$94,95, de acordo com o cargo. A abertura dos concursos já foi confirmada para este semestre pela Prefeitura e a expectativa é de que os cargos sejam divididos em mais de um edital. As vagas serão para as secretarias de Finanças, Educação, Gestão, Infraestrutura e Obras e de Coordenação das Subprefeituras e também para a Controladoria Geral do Município.

 
CARGOS
Para analista de políticas públicas e gestão governamental a oferta será de 200 vagas, número que corresponde a todo o quadro criado para a categoria. Os aprovados irão atuar na Secretaria de Gestão. A remuneração inicial da função será de R$9 mil para uma jornada de trabalho de 40 horas semanais. A exigência é de nível superior completo em áreas a serem definidas no edital de abertura. A taxa de inscrição será de R$77,50. No caso de auditor municipal de controle interno os aprovados atuaram na Controladoria Geral do Município (CGM-SP). O cargo conta com uma oferta de 100 vagas iniciais e remuneração de R$13.900, podendo chegar a R$21.405 ao longo da carreira. A jornada é de 40 horas semanais. Para concorrer será necessário nível superior. A taxa será de R$94,95. A expectativa é de que estes dois cargos sejam oferecidos em um único edital, por terem sido criados pela mesma lei (16.193/2015).
 
Para o cargo de analista de planejamento e desenvolvimento organizacional as vagas são distribuídas entre as áreas de Tecnologia da Informação (90), Ciências Econômicas (10) e Ciências Contábeis (73). Já a função de analista de informações, cultura e desporto conta com 45 vagas, todas para a área de Biblioteconomia. Ambos os cargos contam com remuneração de R$5.392,96, mas já contam com reajuste previsto para 2016, quando o salário inicial será de R$6.106,33, podendo chegar a R$16.036 ao longo da carreira. Para concorrer é necessário superior na área e registro no respectivo conselho de classe, com exceção da área de TI. A taxa de inscrição será de R$62,95.
 
Com o mesmo salário e requisito vem o cargo de analista de ordenamento territorial (geologia). Mas neste caso a taxa será de R$54,95, mesmo valor que será aplicado para o cargo de especialista de desenvolvimento urbano, que contará com vagas para as áreas de agronomia (43), arquitetura (41) e engenharia civil (128). Nestes últimos dois casos a oferta será distribuída entre as secretarias de Coordenação das Subprefeituras e de Infraestrutura e Obras. O cargo de especialista também conta com exigência de nível superior e registro no conselho de classe. Mas neste caso os vencimentos iniciais são de R$1.837, mais gratificações.
 

Cargos

Vagas

Salários

Requisitos

Taxa

Secretaria de Gestão

Analista de planejamento e desenvolvimento organizacional - TI

90

R$ 5.392,96

Superior na área de TI

R$62,95

Analista de planejamento e desenvolvimento organizacional – Ciências Econômicas

10

R$ 5.392,96

Superior em Ciências Econômicas e Registro no CORECON

R$62,95

Analista de políticas públicas e gestão governamental

200

R$9 mil

Superior (áreas ainda não foram divulgadas)

R$77,70

Secretaria de Coordenação das Subprefeituras

Analista de ordenamento territorial – Geologia

27

R$ 5.392,96

Superior em Geologia e registro no CREA

R$54,95

Especialista em desenvolvimento urbano – Engenharia Civil

88

R$ 1.837

Superior em Engenharia Civil e registro no CREA

R$54,95

Especialista em desenvolvimento urbano – Engenharia Agronômica

43

R$ 1.837

Superior em Engenharia Agronômica e registro no CREA

R$54,95

Especialista em desenvolvimento urbano – Arquitetura

31

R$ 1.837

Superior em Arquitetura e registro no CAU

R$54,95

Secretaria de Infraestrutura e Obras

Especialista em desenvolvimento urbano – Engenharia

40

R$ 1.837

Superior em Engenharia Agronômica e registro no CREA

R$54,95

Especialista em desenvolvimento urbano – Arquitetura

10

R$ 1.837

Superior em Arquitetura e registro no CAU

R$54,95

Secretaria de Finanças

Analista de planejamento e desenvolvimen­to organizacional – Ciências Contábeis

73

R$ 5.392,96

Curso superior em Ciências Contábeis e registro no CRC

R$62,95

Secretaria de Educação

Analista de informações, cultura e desporto - biblioteconomia

45

R$ 5.392,96

Superior em Biblioteconomia e registro no CRB

R$62,95

Controladoria Geral do Município (CGM-SP)

Auditor municipal de controle interno

100

R$13.900

Superior (áreas ainda não foram divulgadas)

R$94,95

 

Fonte: Folha Dirigida